Arquivo da tag: energia  fotovoltaica

Quanto custa instalar energia fotovoltaica em uma casa?

Com um sistema solar fotovoltaico em sua residência, você estará na saindo na frente, e será reconhecido por isso, além de todos os benefícios para o meio-ambiente que estão inclusos nessa aquisição.

Um sistema solar fotovoltaico pode reduzir significamente sua conta de energia elétrica e também oferecer o reconhecimento pela implentação de uma tecnologia pioneira, sustentável, e com longa vida útil.

Quanto custa instalar energia fotovoltaica em uma casa?

http://www.portalsolar.com.br/calculo-solar

PRIMEIRO CONDOMÍNIO DE CASAS A APROVEITAR A REGULAMENTAÇÃO E ENVIAR O EXCEDENTE DE ENERGIA PARA A REDE

 

Projeto inédito usa energia fotovoltaica e repassa excedente ao sistema

Primeiro condomínio de casas no país a aproveitar a regulamentação da Agência Nacional de Energia Elétrica está em Florianópolis

 Produzir a própria energia , ajudar no abastecimento da região onde se mora e ainda ganhar um desconto na conta no fim do mês. Essas são algumas vantagens das regras criadas pela Agência Nacional de Energia Elétrica há um ano para conectar as placas solares e hélices privadas na rede de distribuição. A outra está diretamente ligada à suste

perga_04_Antabilidade. O primeiro condomínio residencial do Brasil a aproveitar esses benefícios está em Florianópolis.O empreendimento tem 28 placas fotovoltaicas que fornecem 90% da eletricidade consumida nas áreas comuns do condomínio – o restante é repassado ao sistema que alimenta o bairro. Idealizador do projeto no Vivá Residence Cacupé, Luiz Marchi explica que este é só o começo – um manual de boas práticas entregue a cada novo morador incentiva que as casas construídas no local utilizem o mesmo sistema.

O Vivá Residence Cacupé é um condomínio de casas situado numa das regiões mais tradicionais e bonitas da Ilha de Santa Catarina. O empreendimento, lançado no final do ano passado, é dividido em 43 áreas com metragens que variam de 700 a 900 m². De um total de 99 mil metros quadrados, onde mais da metade são preservados.
Tudo no empreendimento é pensado para que espaco_vivaas pessoas vivam como em uma comunidade e de forma diferenciada. Do chão em lajotas permeáveis à horta orgânica em forma de mandala, a ideia é que os futuros moradores experimentem a sustentabilidade e uma vida com mais prazer em convívio com a natureza.

Para alcançar isso, o projeto é inovador e completo quando se fala no uso da tecnologia para o melhor aproveitamento dos recursos naturais. Nesse pacote estão incluídos, além da usina geradora de energia fotovoltaica, neutralização do carbono gerado na obra e reaproveitamento da água da chuva para irrigação de jardins e horta, limpeza das áreas comuns e dos vasos sanitários do Espaço Vivá.

O Vivá Cacupé tem, ainda, um Programa de Gerenciamento de Resíduos Sólidos – PGRS para separação e destinação correta dos resíduos gerados. Além disso, os resíduos orgânicos são transformados em adubo para jardins e hortas, por meio de compostagem.

Habitação multifamiliar-projeto Passive House

Habitprojeto de casa passivaação multifamiliar-projeto Passive House

O primeiro projeto Passive House  de habitação multifamiliar  da Filadélfia está no mercado. Das 70 unidades projetadas, a equipe  reduziu o projeto para apenas 27 unidades, devido a dificuldades financeiras .

As unidades têm uma área construida de 250 metros quadrados, que inclui 3 quartos, escritório e 3 banheiros. Cerca de um terço das unidades deste desenvolvimento são unidades habitacionais acessíveis a cadeirantes . Este projeto habitacional foi projetado para obter o status Platinum LEED, tornando-se o primeiro complexo de apartamentos nos EUA a receber esta certificação.

Este projeto habitacional extremamente eficiente de energia  fotovoltaica é projetada para gerar 100% da sua energia gasta de 4.23kW . As fachadas exteriores são super- isoladas (R -34 ), com o objetivo de reduzir significativamente os custos de aquecimento e resfriamento e as despesas de energia. O telhado é composto de várias camadas. Os telhados verdes aumentam o isolamento termico de cada unidade, além de cumprimento de 100% das necessidades de gestão da água.

O tanque de 430.000 litro instalado será utilizada para sifonar a água a partir da tabela de água elevado localizado em estreita para a vizinhança . Funcionará também como um geo- termal ” trocador de calor ” para sistemas de refrigeração e aquecimento central do edifício. O tanque será também utilizado como uma cisterna para a água da chuva recolhida no local. Esse sistema de gestão da água  irá reduzir as inundações na área circundante, reduzir os custos de aquecimento e  refrigeração  e ser usada para irrigar os telhados verdes.
As unidades são equipadas com janelas e portas de painel de vidro triplo. Estas janelas tem  valores de R de até 10 e oferecem opções como madeira / madeira, madeira / alumínio , U- PVC e alumínio. Todas as janelas operáveis tem três pontos de vedação Tempo / ar e múltiplos pontos de fixação , tornando-os muito hermético. Outras especificações de janelas são a prova de som DP 70 , uma classificação de decibéis (dB) 47, e vazamento de ar de 0,01. Somados, os valores U- janela da faixa de janelas  ,102-0,16 , com o padrão Casa Passiva sendo 0,14 . Os apartamentos estáveis ​​também são equipados com portas especiais, que têm múltiplos pontos de bloqueio.

O complexo do edifício também está equipado com um sistema de Painel Fotovoltaico, e tem aquecimento por piso radiante embutido no piso de concreto polido . A caldeira para o aquecimento radiante está localizado centralmente e também aquece a água quente para todas as unidades . Os apartamentos também estão equipados com vasos sanitários de baixo fluxo , chuveiros e torneiras. As unidades também são equipadas com um sistema de monitoramento de  Energia Inteligente, permitindo que os futuros ocupantes para monitorar seu consumo de energia .

As unidades  são projetadas de forma a consumir até 90% menos energia do que os apartamentos tradicionalmente construídos. O complexo habitacional foi projetado no estilo  popular, o que significa que ele se encaixa muito bem com os outros edifícios no bairro. Este estilo de construção também foi o modelo perfeito para a fabricação modular. As fundações do edifícioprojeto casa passiva sustentavel de apartamentos  foram construídas no local, mas o resto da estrutura foi construída de fábrica, o que reduziu o tempo de construção de 50%.