Anúncios
//
you're reading...
casas sustentaveis

Estratégias Sustentáveis a serem usadas em casas ou predios

  1. Algumas mudanças de atitude dentro da sua casa podem resultar em menor impacto no meio ambiente:

    arquitetura sustentavel

    arquitetura sustentavel em casas

  2. Torneiras e vasos sanitários de baixo consumo (torneiras de fechamento automático e válvulas de descarga de duplo fluxo)
  3. Painel solar para aquecimento de água com boiler e aquecimento a gás. Um sistema de aquecimento de água com painéis termo solares reduz o consumo de energia elétrica da casa em até 50%, proporcionando ao usuário um período de retorno sobre o investimento de aproximadamente dois anos
    projetos sustentaveis energia solar

    arquitetura sustentavel em casas

  4. Paineis fotovoltaicos  geradores de energia
  5. Tanque com reciclagem de água pluvial para uso nos vasos sanitários
  6. Reciclagem de água sanitária para uso no jardim
  7. Equipamentos domésticos com baixo consumo de energia
  8. Paisagismo com plantas nativas e que requerem pouca água.
  9. Medidor elétrico inteligente

    madeira sustentavel

    arquitetura sustentavel em casas

  10. Lixeiras de coleta seletiva
  11. Escolha materiais de construção existentes na área
  12. Coloque janelas de vidro duplo e PVC
  13. Garanta o isolamento térmico exterior
  14. Utilize madeiras certificadas

  15. Compre peças com muita durabilidade
  16. Aproveite o mobiliário da família , recicle, reuse.
  17. Cubra a piscina para evitar evaporação
  18. Coloque temporizador  de água nas torneiras
  19. Cores claras nas paredes e teto ajudam a difundir a luz natural
  20.  Instale reguladores de intensidade luminosa  (dimmer)
  21.  Opte por iluminação fluorescentes e LED
  22. Desligue todos os aparelhos eletrônicos
  23. Cozinhe com os recipientes tampados
  24. Desligue os aparelhos de cozinha da tomada quando se ausentar por vários dias
  25. Apague o fogão minutos antes de terminar
  26. Evite abrir as portas do forno e da geladeira
  27. Reduza a quantidade de vezes que substitui bens supérfluos
  28. Recicle papel, plástico, metal, vidro, pilhas e baterias e de um destino adequado as  lâmpadas, eletrodomésticos e medicamentos
  29. Tome banhos de 5 minutos
  30. Faça compostagem dos resíduos orgânicos : Basta um jardim ou uma varanda para devolver à terra o que é da terra através da compostagem caseira. Uma caixa com uma abertura na parte superior basta para iniciar o processo. Mas há outros aspectos a ter em conta:Procure uma zona protegida do Sol e calor excessivos e do vento, mas que permita a infiltração das chuvas. Prefira instalá-la sobre terra, que possibilita a entrada de microorganismos.A camada inferior deve ser constituída por 20 cm de palha ou ramos cortados para permitir o arejamento e a passagem de água. Por cima, coloque restos da cozinha cortados em pedaços pequenos. Misturados devem ficar resíduos secos do jardim. Se necessário, armazene folhas secas e ramos durante o Inverno. Legumes, fruta, cascas, cascas de ovos, pão, massa, sacos de chá…, café, folhas, relva, caules, flores, ramos, palha, feno, aparas de madeira, papel, cartão, palha, madeira não tratada, cinzas em pequena quantidade. Para plantas novas, floreiras e vasos, misture 1/3 de composto com 1/3 de areia e 1/3 de terra. Para relvados, arbustos e arvoredos, o ideal é misturar 60% de composto com 40% de terra. O seu uso reforça a defesa contra fungos e doenças das plantas e ajuda a reter água no solo.
  31. Boa parte dos resíduos gerados na construção civil podem ser evitados empregando-se técnicas racionalizadas de construção, e o uso racional de água e energia nas edificações pode contribuir sensivelmente para a redução do aquecimento global e racionamento de água.
  32.  O estudo solar ao planejar uma casa pode resultar em uma boa economia de energia com utilização de luz e ventilação natural, minimizando custos com ar condicionado e iluminação.


O telhado de aço neste ambiente amigável casa é feito de material totalmente reciclado.

“Nós temos um telhado de metal a partir de materiais reciclados, e nós usamos tintas de baixa toxicidade e baixo VOC piso”, diz Barbara. “Os arquitetos projetaram a casa com uma orientação solar, para que possamos maximizar a brisa e minimizar o ganho de sol no verão.”
Demora apenas 11 centímetros de chuva para encher este sistema de recolha de águas pluviais, que possui 25.000 litros de água.

E você pode imaginar usando a água da chuva a partir do seu telhado para todos bebendo e sua roupa? Muitos proprietários verde fazer exatamente isso. “Temos um sistema de recolha de águas pluviais, de modo que não usam um bem ou um abastecimento de água”, diz Barbara. “Nosso sistema tem 25, 000 litros de água, e ele só tem 11 centímetros de chuva para preenchê-lo. Sentimos que, mesmo num ano de seca, teríamos uma fonte de água suficiente.” respeito pelo ambiente pode ser projetado em qualquer projecto em qualquer lugar. “Em áreas mais frias, nós fazemos a casa própria de calor nos meses de inverno”, diz Peter. “Em climas mais quentes, usamos técnicas de arrefecimento passivo solar. Você tem que ser sensível às condições climáticas específicas.”

. “Going Green irá desempenhar um papel importante na nossa estratégia de marketing”,  “É i as pessoas estão muito interessadas em viver em uma comunidade ambientalmente sensíveis”.

Muitos desenvolvedores acham que a título de investimento, casas ambientalmente consciente terá um maior rendimento a longo prazo. Muitas das características verdes nas casas têm um retorno de cerca de 3 a 5 anos, que é uma melhoria dramática sobre o 10 anos anteriores em sistemas solares passivos.

“Como o consumidor se torna mais consciente e, como o construtor se torna mais consciente, então você verá práticas de construção mais verde do edifício no lugar.”

A seguir, algumas práticas de design sustentável para residenciais
Faça uma escolha de madeiras de floresta ecologicamente sustentável gerida sob as diretrizes do Forest Stewardship Council (FSC).
Precisar de pintura “verde” e outros materiais de acabamento que documentaram níveis de compostos orgânicos voláteis (COV) ou químicos, materiais emissores de luz, que são os mais baixos níveis possíveis, ea taxa de suas emissões – ou dissipação – é o mais rápido possível .
Especifique os produtos livres de ureia-formaldeído, um conhecido agente cancerígeno.
Especificar materiais sustentáveis que apoiam o uso de materiais renováveis, pós-consumo ou de fontes pós-industrial.
Use produtos de revestimento rapidamente renováveis, como bambu ou linóleo para ajudar a reduzir a quantidade de  recursos dedicados à produção de materiais de construção.
Especifique aparelhos energeticamente eficientes, como geladeiras e máquinas de lavar louça com a classificação de economia.
Trabalhe com profissionais que usam o LEED.
Use  tamanhos  padrão para reduzir o desperdício de material.
Considere a possibilidade de reciclagem de todos os materiais utilizados para reduzir o volume nos aterros.
Alguns produtos, uma vez conhecido como “naturais” são conhecidos por terem qualidades tóxicas. Por exemplo, os pesticidas são utilizados para cultivar algodão e a lã é limpa com produtos químicos perigosos durante o processamento.Maiores informações sobre esses produtos estão se tornando mais disponíveis, bem como um novo vocabulário que pode ser útil para investigar materiais e produtos para projetos de interiores.
 
Resíduos gerados no canteiros de obras racionalização da construção.
Estudo Solar Aliado à ventilação natural, os custos com ar-condicionado e iluminação artificial tendem a ser minimizados.
Construir utilizando materiais locais
Utilizar materiais que gastam pouca energia para serem produzidos
Usar materiais de construção existentes na local
Usar madeiras certificadas
Captação e reaproveitamento de águas pluviais
Tanque com reciclagem de água pluvial para uso nos vasos sanitários
Reciclagem de água de pias e torneiras para jardim ou vasos sanitários
Reciclagem de água sanitária para uso no jardim
Torneiras e vasos sanitários de baixo consumo. A torneiras devem ter fechamento automático, e as válvulas de descarga tipo duplo fluxo.
Pavimentação com Áreas permeáveis
Otimização da iluminação natural e controle com brises
Uso de interruptores com temporizadores e sensores de luz do dia ou de presença.
Utilizar medidores de energia elétrica com controle inteligente
Materiais que retem pouco o calor em climas quente, e materiais que retem calor em clima frio.
Uso de materiais com caracteristicas isolantes acusticos ou com janelas de vidro duplo
paineis solares fotovoltaicos para geração de energia elétrica,
paineis solares para aquecimento de agua através de paineis de transmissão de calor, e para aquecimento interno do ambiente através de massa térmica.
Uso do sol para aquecimento interno através de aquecimento direto ou indireto, com uso de massa térmica
Energia Eólica produção de energia elétrica para auto-suficiência ou como forma auxiliar para reduzir o consumo proveniente de fornecimento externo.
Telhados e muros verdes ajudam a climatizar os ambientes adjacentes e a controlar a umidade do ar
Onde as formas de aquecimento passivo e resfriamento evaporativo não são suficientes em determinadas épocas do ano, utilizar sistemas de ar condicionado para resfriamento ou aquecimento que estejam de acordo com diretrizes ecológicas.
Especificar equipamentos com baixo consumo de energia
Interruptores com dimmer
Uso de lampadas elétricas de baixo consumo como iluminação fluorescentes e LED
Uso de Vegetação p/ Climatização e Sombreamento
Paisagismo Adequado ao Clima Local com plantas nativas e que requerem pouca água
Anúncios

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Anúncios

//pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Map IP Address
Powered byIP2Location.com

%d blogueiros gostam disto: